top of page

COMO AUMENTAR O DESEJO SEXUAL DO CÔNJUGE POR VOCÊ


Porque à medida que o tempo passa, o parceiro parece perder o encanto sexual sobre o cônjuge? Infelizmente é muito comum isto acontecer.

Por diversos motivos, com o passar do tempo o casamento vai caindo na rotina.


Tudo que você não cuida com o tempo estraga. A expectativa da lua de mel vai se perdendo, os cônjuges vão deixando o ar de romantismo e dando lugar aos conflitos e problemas administrativos que surgem ao longo da caminhada.


Coisas como chegada dos filhos, mobília da casa, necessidade de adquirir um carro, melhorar a profissão, os estudos, trabalhos e outras necessidades vão tomando corpo dentro do lar fazendo com que cada um busque suprir áreas que julgam necessário novos investimentos. Com isto a tendência é de fato diminuir o tempo que devido à dedicação ao parceiro, levando-os a diminuição da libido, desejo sexual.


Naturalmente que estes não são os únicos fatores. Mas via de regra são os mais comuns. A preocupação com possuir mais conforto cria um número enorme de atividades que passam a ocupar a mente e coração do casal. Não são poucos os cônjuges que vivem um "tropelo" dentro de casa como estranhos num mesmo ninho.


A falta de tempo um ao outro e o excesso de trabalho são as maiores tônicas dos problemas que surgem. A atividade sexual para casais que estão iniciando a caminhada juntos é muito importante para o bom desempenho do casamento. Para a satisfação mútua e acima de tudo para proteger o coração do parceiro contra a tentação da infidelidade conjugal.


Muitas vezes a infidelidade de um dos cônjuges não está na ausência de um caráter fiel. Mas, na pressão sofrida diante de tentações freqüentes dada à má nutrição em seu ambiente conjugal. Obviamente que o erro não justifica o ato, é verdade. No entanto, é comum encontrar histórias típicas de homens e mulheres que caíram vitimas do assédio sexual por que se encontravam fragilizados demais em seus relacionamentos conjugais apesar de piamente afirmarem profundo amor pelos cônjuges.


A privação do sexo dentro do casamento deve ser levado demasiadamente a sério. A correspondência sexual entre o casal deve ser bem nutrida. Homens e mulheres possuem desejos sexuais natos que precisam ser supridos. Toda forma de conflito no ambiente da vida a dois, tende a bloquear emocionalmente um ou ambos, e por consequência, afastando o desejo pelo outro. O homem e a mulher devem satisfazerem-se sexualmente um ao outro sempre que manifestarem o desejo e a necessidade.


A perda do desejo às vezes ocorre por causa de negligências cometidas entre ambos, produzindo um esfriamento, indiferença e afastamento natural do parceiro. Para aumentar o desejo do parceiro você precisa:


1- Cuide de sua aparência.

São conselhos simples, mas muito úteis. Tem pessoas que depois que se casam parecem ter perdido a auto estima. Se é que tiveram algum dia. A falta de cuidados com o cabelo, as roupas, a higiene, ou falta de criatividade para se vestir e se arrumar para o parceiro de saparem depois de casados.

A aparência da pessoa quanto do ambiente é um forte estímulo e apelo sexual que os olhos, mesmo inconscientemente percebem. Por isto, crie sempre uma atmosfera bonita e agradável em você e em torno de você.


2- Crie o hábito de elogiar ao invés de criticar.

Criticas matam qualquer relacionamento. Ninguém sentirá desejo por alguém que vive encontrando defeito em tudo. Se você encontra motivos para ver defeitos no seu cônjuge, procure criar a habilidade de ver virtudes e valores. Certamente ele ou ela não é tão ruim assim, casso contrário você não teria casado com esta pessoa. Quais eram os valores, qualidades e virtudes que você via nela quando namoravam?


3- Resgate o romantismo.

Então? Quando se namora, o rapaz leva flores, bombons, chocolate, presentes quase em todo encontro. Depois que se casa, esquece de continuar namorando.

Seja galante com seu parceiro, crie momentos mágicos entre vocês. Surpreenda-o com pequenos gestos de amabilidade, cortesia, elogios. Prepare um momento especial, celebre uma oportunidade de comemoração, aniversário, ou conquista em alguma área. Faça de todo momento uma oportunidade única da vida.


5- Diminua ou elimine o ritmo de compromissos que roubam o tempo que precisam investir no outro.

Não deixe que o excesso de trabalho, de estudos ou outros compromissos tirem de você a oportunidade de adubar seu relacionamento conjugal. Nenhum sucesso no mundo compensa o fracasso no lar. Que adianta ganhar o mundo inteiro e perder sua família?


6- Faça o planejamento familiar.

Um outro fator que implica favoravelmente a um ambiente sexualmente ativo, é o planejamento familiar. Quem não planeja estabelecer limites de quantos filhos podem criar e sustentar, planeja sofrer com muitas dificuldades no casamento.


Vejo muitos lares onde os cônjuges vivem basicamente para cuidar dos filhos. Trabalham arduamente, se sacrificam, se consomem e privam-se obrigatoriamente em função dos filhos.

Infelizmente, vivem cansados, esgotados e cheios de conflitos e tensões mal administradas pela impossibilidade de terem uma comunicação saudável em torno do problema, porque o tempo que precisam ter um para o outro, é sugado pelos filhos.


Estabeleça mutuamente um acordo sobre o numero de filhos. Elaborem uma previsão natural para que possam ter novos filhos. Isto ajudará a equilibrar o ritmo e o clima dentro de casa, permitindo haver oportunidade do casal encontrarem-se mais vezes e compartilhar o que de melhor possuem a favor do outro.


Acredito basicamente que são conselhos que ajudarão, quando praticados a aumentar o desejo sexual do parceiro sobre você.


#casamento #sexo #relacionamento #satisfação #vidasexual

24 visualizações0 comentário